O talento especial pra aprender línguas.

Antigamente eu achava que algumas pessoas tinham um talento especial pra aprender línguas. Ainda acho, na verdade. O que mudou no meu jeito de pensar foi o peso que passei a atribuir a este talento especial.

A verdade é que a maioria de nós não tem este talento especial. Eu não tenho. E apesar disso, bilhões de pessoas no mundo aprendem uma segunda, uma terceira ou uma quarta língua com grande sucesso. E o fazem sem sofrimento.

Um fator mais importante no sucesso do aprendizado tem a ver com um outro tipo de talento: a capacidade de perseverar, de exercer disciplina, de desenvolver um gosto pela coisa, de acreditar que você consegue aprender apesar das dificuldades e da falta de tempo. Algumas pessoas chamam isso de inteligência emocional. E este, sim, é o grande talento pra se aprender línguas.

Mas o que eu acho mais importante é que o seu professor tem que ajudá-lo a desenvolver essa sua inteligência emocional no decorrer do processo de aprendizado.

Pra nós aqui da cup of tea, ajudá-lo a gostar do assunto e motivá-lo a aprender são funções de um bom professor. Ensinar gramática, usar o material e explicar o conteúdo são apenas um aspecto de ensinar inglês. Mas ser professor é muito mais que isso.